© 2017-2019 INOVAMO - Construindo decisões inovadoras

Inspirador! Você conhece Diego Mahfouz Faria Lima?

March 29, 2018

 

Há algumas semanas assisti a um vídeo do Bill Gates anunciando os nomes dos finalistas do Global Teacher Prize e descobri que havia um brasileiro dentre eles, Diego Mahfouz Faria Lima. Foi então que eu resolvi buscar mais informações sobre este educador brasileiro e sobre o prêmio em que era finalista.

O Global Teacher Prize é um prêmio anual de US$ 1 milhão de dólares destinado a educadores que realizaram algum tipo de trabalho excepcional e que merecem algum tipo de destaque. Ele é organizado pela Varkey Foundation, uma organização sem fins lucrativos que busca fomentar os melhores padrões de ensino para crianças menos privilegiadas ao redor do mundo. De acordo com a fundação, esse prêmio, também conhecido como o “Nobel da Educação”, visa destacar a importância dos educadores, reconhecendo e comemorando seus esforços para o setor.

Em março deste ano, em Dubai, ocorreu o Global Education and Skills Forum, encontro dedicado ao compartilhamento, debates e métodos novos, visando transformar a educação no mundo. No domingo 18 de março ocorreu a cerimônia para entrega do Global Teacher Prize de 2018 e fiquei muito orgulhoso por encontrar um brasileiro dentre os finalistas. A satisfação foi ainda maior quando soube que haviam 30.000 educadores participantes nesse evento, de 173 países e apenas 10 eram os finalistas.

Diego Mahfouz Faria Lima é professor da escola Darcy Ribeiro de São José do Rio Preto e apesar de toda a escassez de recursos para a educação no Brasil, conseguiu reduzir a evasão a próximo de zero. Este é o resultado de uma série de iniciativas em uma escola localizada em uma região marcada pelo tráfico de drogas e violência, onde era comum os alunos faltarem as aulas.

Em um cenário onde a austeridade estava presente no relacionamento instituição de ensino-aluno, Diego optou por dar voz aos estudantes. Isso permitiu que os alunos expusessem o que mais os incomodava. Com o apoio dos pais na revitalização da escola, foi possível resgatar o pertencimento da comunidade àquela instituição de ensino. Como consequência dessa transformação, foi possível afastar inclusive o tráfico de drogas.

Todas suas iniciativas são incríveis, mas a que mais me impressionou foi a solução para o combate a evasão - anualmente 200 alunos deixavam de estudar nesta instituição de ensino. Através de uma validação de suas carteirinhas escolares, a escola desenvolveu um sistema capaz de registrar a frequência dos alunos as aulas. Esta solução por si só indicaria apenas quais alunos não estão frequentando a escola, mas o Diego adotou uma estratégia que apresentou um resultado muito positivo. Todos os alunos que não possuem o registro de presença, recebem uma visita do professor em suas casas. Assim, a escola consegue entender os principais motivos com maior assertividade e permite significar a importância daquele aluno para a instituição de ensino.

A conquista de “melhor educador do mundo” por Diego Mahfouz Faria Lima foi adiada. A vencedora da edição de 2018 foi Andria Zafirakou, uma professora britânica de artes que também desenvolve trabalhos fantásticos com os alunos. Mesmo não tendo recebido o prêmio máximo do evento, a história de superação do Diego é extremamente inspiradora. Independente das adversidades presentes, esse educador conseguiu encontrar soluções práticas que refletiram em resultados excepcionais.


Tenho muita esperança de que a educação no Brasil evoluirá e permitirá ensino de qualidade a todos. Quando leio historias como a do Diego, tenho certeza de que isso é possível. Todos os votos de sucesso a esse exímio educador e a todos os demais do setor! #teachersmatter!
 

 

 
Referências:

http://www.globalteacherprize.org/2018-finalists/

 

http://www.globalteacherprize.org/varkey-foundation/

 

http://www.globalteacherprize.org/about/

 

https://www.educationandskillsforum.org

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Você sabe quantos alunos prestam o Enem, mas não se matriculam em nenhuma Universidade?

November 15, 2019

1/7
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo